ALIENAÇÃO PARENTAL: A VISIBILIDADE DA LEI Nº 12.318/2010 E AS FORMAS ALTERNATIVAS DE COMBATE À SAP NO BRASIL

GABRIELA CUCOLO RABACHINI

Resumo


Este artigo tem como objetivo discutir a proteção da saúde mental e psíquica da criança e do adolescente, tendo por base a visibilidade da Lei nº 12.318 e, consequentemente, da Síndrome de Alienação Parental (SAP) no ordenamento jurídico brasileiro. Ademais, visa questionar novas medidas combativas à alienação do menor e o importante papel facilitador dos juristas nos Tribunais de Família no Brasil. Neste sentido, dialoga conceitos da área da Psicologia, em especial os estudos de Richard Gardner e Elisabeth Roudinesco, com problemáticas existentes no campo do Direito. Portanto, faz-se uma análise descritiva do texto da Lei nº 12.318/2010, ao passo que verifica a sua realidade prática sob a ótica jurisprudencial.

Palavras-chave


Alienação Parental. Psicologia Jurídica. Mediação. Lei nº 12.318/2010. Direito de Família.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Jesualdo Eduardo de. Comentários À Lei Da Alienação Parental - Lei 12.318, De 26 De Agosto De 2010. Revista Jurídica da Toledo de Presidente Prudente.

ARANTES, E. M. M. Pensando a Psicologia Aplicada à Justiça. Rio de Janeiro: Relume Dumará. UERJ, 1993.

BARROS, F. O. O Amor e a Lei: O Processo de Separação no Tribunal de Família. Psicologia Ciência e Profissão, 1997.

BRUNO, D. D. Incesto e alienação parental: realidades que a justiça insiste em não ver. Maria Berenice Dias, coordenação – São Paulo, Editora Revista dos Tribunais, 2007.

DIAS, M. B. Manual de Direito das Famílias. 8 ed. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2011.

DIAS, M. B. Síndrome da Alienação Parental, o que é isso? Disponível em: www.apase.org.br.

FONSECA, P. M. P. C. Síndrome de alienação parental. Pediatria (São Paulo), 2006.

FREITAS, D. P. Reflexos Da Nova Lei Da Guarda Compartilhada E Seu Diálogo Com A Lei Da Alienação Parental. Editora Voxlegem. IBDFAM/SC.

GARDNER, R. Family therapy of the moderate type of parental alienation syndrome. Addendum I to 2nd ed. June 1999.

ROSA, F. N. A Síndrome De Alienação Parental Nos Casos De Separações Judiciais No Direito Civil Brasileiro. Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS).

ROUDINESCO, E. A família em desordem. Editora Zahar. 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Científica da Academia Brasileira de Direito Civil. Juiz de Fora, MG, Brasil, ISSNe 2318-602X

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia